terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Sonho em Flor - Luiz Marenco - Gujo Teixeira - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

Sonho em Flor

Faz tempo que eu madrugo versos quase sem querer
Pra alma recordar seu jeito de não te esquecer...
E trazer pra o redor do fogo mais lembranças tuas
Dessas que a gente, depois das luas
Cevava um mate pra amanhecer.

Parece até que o mesmo mate esqueceu seu gosto
Depois que uma velha saudade repontou teu rosto...
E um jeito que trazia o brilho de olhar moreno
Chegou povoando meus sonhos pequenos
Que tinham cismas de serem só teus.
Ah! minha flor pequena...
(Dessas que nascem pelos rincões)
Trazendo a graça das corticeiras
Enfeita a tarde por ser tão bela
Deixa meu sonho acordar o teu
E o meu silêncio te adormecer
Quando a saudade vier me ver
Com teu sorriso...
...Na minha janela

Sempre que meus sonhos tantos saem por aí
E levam junto minha alma perto de ti...
Eu guardo bem os meus silêncios porque eles sabem
Que são só meus e quase não cabem
Na casa grande do coração.

E eu que andei tão distante me encontrei em mim
Sem mesmo perceber que a vida pode ser assim...
Ter a graça de uma flor bonita, dessas corticeiras
E ao mesmo tempo ser por inteira
Aquilo tudo que já sonhou.

Ah! Minha flor pequena...
Que traz guardada sonhos demais
Deixa que a alma mostre teu rumo
Que anda hoje perto do meu
Traz teu sorriso de flor vermelha
E aquele brilho do teu olhar
Toda a saudade pra se matar...
Que o dia da ainda...
... não amanheceu!

Fonte : CD - Luiz Marenco ao Vivo

Letra: Gujo Teixeira
Música: Luiz Marenco

Imagem: Corticeiras em Flor - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Matos

Ver:

Benefícios da Corticeira 
  • https://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/08/corticeira-mulungu.html
Belas Imagens
Haikai e Imagem
  • https://cangucuemcoresii.blogspot.com.br/2013/12/flor-da-corticeira-haikai.html


segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Gibran Khalil Gibran - Máximas - O Jardim do Profeta - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

"Não me chames de sábio, a não ser que chames de sábio todos os homens. Um jovem fruto sou eu, ainda pegado ao ramo, e até ontem não passava de uma flor.

E não chames de tolo ninguém entre vós, pois, em verdade, não somos nem sábios nem tolos. Somos folhas verdes na árvore da vida, e a própria vida está além da sabedoria, e seguramente além da tolice.

E entre teu saber e tua compreensão, há um caminho secreto que precisas descobrir antes de te tornar um com os outros homens, e, portanto, um contigo mesmo.

Entre a tua mão direita, que dá, e tua mão esquerda, que recebe, há um vasto espaço. Somente considerando-as ambas como dando e recebendo é que podes levá-las ao espaço ilimitado, pois é somente sabendo que não tens nada a dar e nada a receber  que podes vencer o espaço."


Fonte: O Jardim do Profeta - Gibran Khalil Gibran

Tradução: Mansour Challita

Imagem: Hibisco ao desabrochar - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Lembretes:
  • Ler o Libro!
  • Ofertar Livros!
  • Ver Gibran Khalil Gibran em Canguçu em Cores II

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Magnificat - O Cântico de Maria - Poema - O Homem mais Inteligente da História - Augusto Cury - Imagem - Arroio Grande - RS - Brasil

Magnificat - O Cântico de Maria

Minha alma engrandece ao Senhor e meu espírito se regozija em Deus, meu salvador, pois contemplou a insignificância da sua serva. Mas hoje em diante todas as gerações me chamarão bem-aventurada, pois o Poderoso realizou maravilhas a meu favor. Santo é seu nome. A sua compaixão se estendem aos que o respeitam, de geração em geração. Ele operou poderosos feitos com seu poder, dissipou aquele cujos pensamentos íntimos são soberbos. Derrubou governantes do seu trono, mas exaltou  os humildes. Supriu abundantemente os famintos, mas expulsou de mãos vazias os que se achavam ricos...

Fonte: O Homem mais Inteligente da História - Augusto Cury

Imagem: Nossa Senhora da Graça na Praça - Arroio Grande, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Lembretes:

Magnificat  - O Cântico de Maria - Evangélio do Dr. Lucas

Ler a Bíblia!
Ler o Livro!
Ofertar Livros!
O Homem mais Inteligente da História  é um Presente... Iluminado!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Retrato de Jesus - Publius Lentulus - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

Retrato de Jesus

Em Roma, no arquivo do Duque de Cesadini, foi encontrada uma carta de Públio Lêntulus, Legado na Galileia, do Imperador Romano, Tibério Cesar. Eis a carta que é um retrato fiel de Jesus.
  • Existe nos nossos tempos um homem, o qual vive atualmente de grandes virtudes, chamado Jesus, que pelo povo é inculcado profeta da verdade  os seus discípulos dizem que é Deus, criador do Céu e da Terra e de todas as coisas que nela se acham e que nela tenham estado ; em verdade, cada dia se ouvem coisas maravilhosas desse Jesus; ressuscita os mortos, cura os enfermos: em uma só palavra; é um homem de justa estatura e é muito belo no seu aspecto. Há tanta majestade no rosto, que os que o veem são forçados a amá-lo ou temê-lo. Tem os cabelos da cor da amêndoa bem madura, distendidos até as orelhas e das orelhas até às espáduas, são da cor da terra, porém reluzentes.Tem no meio da sua fronte uma linha separando os cabelos, na forma em uso nos nazarenos; o seu rosto é cheio, o aspecto é muito sereno, nenhuma ruga ou mancha se vê em sua face de uma cor moderada; o nariz e a boca são irrepreensíveis. A barba é espessa, mas semelhante aos cabelos, não muito longa, mas separada ao meio; seu olhar é muito especioso e grave; tem os olhos graciosos e claros; o que surpreende é que resplandecem no seu rosto como os raios do sol, porém ninguém pode olhar fixo o seu semblante, porque quando resplende, apavora, e quando ameniza faz chorar; faz-se amar e é alegre com gravidade. Diz-se que nunca ninguém o viu rir, mas , antes, chorar. Tem os braços e mãos muito belos; na palestra contenta muito, mas o faz raramente e, quando dele alguém se aproxima, verifica que é muito modesto na presença e na pessoa. É o mais belo homem que se possa imaginar, muito semelhante a sua Mãe, a qual é de uma rara beleza, não se tendo jamais visto, por estas partes.uma donzela tão bela...
  • De letras, faz-se admirar de toda a cidade de Jerusalém; ele sabe todas as ciências e nunca estudou nada. Ele caminha descalço e sem coisa alguma na cabeça. Muitos se riem, vendo-o assim, porém em sua presença, falando com ele, tremem e admiram. Dizem que um tal homem nunca fora ouvido por estas partes. Em verdade,segundo me dizem os hebreus não se ouviram, jamais, tais conselhos, de grande doutrina, como ensina este Jesus; muitos judeus o têm como Divino e muitos que querelam, afirmando que é contra a lei de tua Majestade.
  • Dizem que este Jesus nunca fez mal a quem quer que seja, mas, ao contrário, aqueles que o conhecem e com ele têm praticado, afirmam ter, dele recebido grandes benefícios e saúde.


Fonte:

A Bíblia do Otimismo - R. Stanganelli - 10ª  Edição

Imagem: Retrato de Jesus

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos


Lembretes:
  • Ler o Livro!
  •  Ofertar Livros!
  • Ler: O Homem mais Inteligente daHistória - Augusto Cury

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Magnólia - Magnolia grandiflora - Uso Terapêutico - Imagem - Pelotas - RS - Brasil

Nome Popular: Magnólia
Nome Científico: Magnolia grandiflora

Uso Terapêutico:

Casca - cozimento -

  • febres;
  • parasitas;
  • paralisias;
  • reumatismo

Frutos:

  • dores; 
  • afecções intestinais

Fontes:

Plantas Medicinais - Irmão Cirilo
Plantas que Curam - A Natureza a Serviço de sua Saúde

Imagem: Magnólia - Magnolia grandiflora - Pelotas, RS, Brasil
Foto: Leila Marina

Lembretes:

  • O nome Magnólia foi dado em homenagem ao botânico francês Pierre Magnol - 1638 -1715
  • Não usar plantas medicinais sem a orientação de um especialista.
  • Ler os Livros!
  • Ofertar Livros!

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Gervão - Stachytarpheta cayennensis (Rich.). Vahl -Valor Terapêutico - Uso Litúrgico - Fitoenergética - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

Nomes Populares:

  • gervão,
  • gervão-roxo,
  • gervão-do-campo,
  • gervão-legítimo,
  • gerbão,
  • chá-do-brasil,
  • urgevão,
  • aguarapondá,
  • verbena-falsa...

Nomes Científicos:

  • Stachytarpheta cayennensis (Rich.). Vahl,
  • Stachytarpheta australis,Lippia cylindrica Scheele,
  • Verbena cayennensis Rich, ...


Princípios ativos:

  • óleo essencial;
  • taninos;
  • pigmentos flavonoides;
  • alcaloides (substâncias amargas);
  • saponinas


Origem: Brasil, medrando desde o estado do Maranhão até o Rio Grande do Sul
Parte usada: raiz, caule, folha e flor

Usa-se para curar ou aliviar:

  • fraqueza estomacal;
  • azia;
  • acidez;
  • má digestão;
  • icterícia;
  • colecistite (inflamação da vesícula biliar;
  • insuficiência hepática,
  • prisão de ventre;
  • resfriados;
  • febres;
  • gripe catarral;
  • tosse; 
  • rouquidão;
  • reumatismo;
  • artritismo;
  • cistite;
  • vermes;
  • úlceras...

cataplasma:

  • feridas; 
  • contusões afecções da pele( erisipela e eczemas);
  • tumores;
  • furúnculos

Uso Litúrgico:

Folha Sagrada: Nanã e Xangô
Não tem aplicações nas obrigações rituais

Função Fitoenergética:

Sensibiliza a aura e a consciência para perceber a energia de outras esferas...

Imagem:
Gervão em Flor - Stachytarpheta cayennensis (Rich.). Vahl, - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos


Lembretes:

  • É fundamental ler os Livros!
  • Ofertar Livros!
  • Os animais não comem pois não é palatável.
  • Cultivado em hortas afugenta os parasitas. 


Fontes:

  • Plantas que Curam - Enio Emmanuel Sanguinetti
  • Plantas que Curam - Sylvio Panizza
  • Plantas Medicinais - Irmão Cirilo
  • Ervas & Plantas - A Medicina dos Simples - Padre Ivacir João Franco
  • Plantas Medicinais no Brasil - Nativas e Exóticas - Harri Lorenzi e F. J. Abreu de Matos
  • Rezas - Folhas - Chás e Rituais dos Orixás - Fernandes Portugal
  • Fitoenergética - A Energia das Plantas - Bruno J. Gimenes

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Minha Casa e a Estrada - Areia e Espuma - Gibran Khalil Gibran - Imagem - Bagé - RS - Brasil

Minha casa me diz:

"Não me deixes, pois aqui mora teu passado."

E a estrada me diz:
"Vem e segue-me, porque sou o teu futuro."

E eu digo a ambas:

"Não tenho passado, nem futuro. 
Se eu ficar aqui, haverá uma ida em minha permanência;
e se partir, haverá uma permanência em minha ida. 
Só o amor e a morte mudam todas as coisas."


Fonte:

Areia e Espuma - Gibran Khalil Gibran

Tradução e Apresentação: Mansour Challita

Imagem: Estrada do Forte Santa Tecla ao Entardecer - Bagé, RS, Brasil
Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Lembretes:

Ler o Livro!
Ofertar Livros!

Ver:

 Gibran Khalil Gibran em:

Canguçu em Cores II

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

SETE VEZES DESPREZEI MINHA ALMA - GIBRAN KHALIL GIBRAN - AREIA E ESPUMA - IMAGEM - CANGUÇU - RS - BRASIL

Sete vezes desprezei minha alma:

Quando a vi disfarçar-se com a humildade para alcançar a grandeza;
Quando a vi coxear na presença dos coxos.
Quando lhe deram a escolher entre o fácil e o difícil;
Quando lhe deram a escolher entre o fácil e o difícil, e escolheu o fácil;
Quando cometeu um mal e consolou-se com a ideia que outros cometem o mesmo mal;
Quando aceitou a humilhação por covardia e atribui sua paciência à fortaleza;
Quando desprezou a fealdade de uma face que não era, na realidade, senão uma de suas próprias máscaras;
Quando considerou uma virtude elogiar e glorificar.

Fonte:

Areia e Espuma - Gibran Khalil Gibran
Tradução e Apresentação: Mansour Challita

Imagem: Sete Flores de Matricária -  Canguçu, RS, Brasil - 12 de dezembro de 2016
Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

domingo, 11 de dezembro de 2016

Fitoenergética - Medicina Vibracional pelas Plantas - Bruno J. Gimenes - Calêndula - Manjerona - Mil-em-Rama - Bruno J. Gimenes - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

A Fitoenergética estuda a influência dos vegetais sobre a anatomia sutil dos seres vivos.

Calêndula

Nome Científico - Calendula officinalis
Caráter energético: Puro
Chacra de atuação: 7º
Nível Energético: 61
Polaridade Yin/Yang: Yang


Função Fitoenergética:

  • cria: responsabilidade pelo ciclo da vida;


  • traz:vontade de ter filhos com amor e respeito;
  • gera: satisfação por aquilo que tem;
  • ajuda: a criar vínculos de carinho e respeito pelos seres em geral e a encontrar a missão pessoal e saber realizá-la;
  • adiciona: alegria e amor na vida;
  • eleva: a frequência dos pensamentos


Restrição quanto à Fitoterapia:

contraindicada:

  • gestação;
  • diarreia crônica


Manjerona

Nome Científico: Origanum majorana
Caráter Energético: Puro
Chacra de atuação: 3º
Nível Energético: 40
Polaridade Yin/Yang: Yang

Função Fitoenergética:

  • traz: a sensibilidade de perceber os outros a sua volta;
  • ajuda: tornar-se solidário ao sofrimento do próximo, a respeitar a opinião dos outros, a viver em paz com a comunidade;
  • cria: espírito de equipe;
  • incentiva: o trabalho em equipe.


Restrições à Fitoterapia:
Não citada


Mil-em-Rama 

Nome científico: Achillea millefolium
Caráter energético: Puro
Chacra de atuação: 5º
Nível energético: 53
Polaridade: Yin/Yang: Yang

Função Fitoenergética:

  • estimula: a pessoa falar o que está trancado, não segurar os sentimentos guardados
  • ter: coragem de falar e resolver as coisas na hora
  • ajuda: a ser objetivo e colocar em prática aquilo que se pensa e quer, a encontrar as melhores palavras para verbalizar os pensamentos
  • melhora: o timbre da voz
  • estimula: as cordas vocais


Restrições à Fitoterapia:

uso interno: contraindicado na:

  • gestação
  • e para quem já tiver apresentado alergia com o uso dessa planta


Fonte: Fitoenergética - A Energia das Plantas no Equilíbrio da Alma - Bruno J. Gimenes

Imagem: Horta Vibrante: Canguçu, RS, Brasil - 2016/dezembro

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Uso Terapêutico - Canguçu em Cores

Calêndula
https://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/07/calendula.html

Manjerona:
https://cangucuemcores.blogspot.com.br/2010/08/manjerona-origanum-manjerona-manjerona.html

Mil-em-Rama
https://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/09/mil-em-rama.html

Lembretes:

É essencial a leitura do Livro.
O Livro é um excelente presente.
Ler o Livro!
Ofertar Livros!

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Rocambole da Rainha - Rainha???... de Sabá - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

Massa: Pão-de-ló sem glúten

5 ovos
10 Colheres de amido de milho
10 Colheres de açúcar.

Recheio:

nata
leite condensado
suco de 1 limão
morangos  - picados, amassados, fervidos rapidamente com pouco açúcar.

Cobertura:

nata batida
morangos

Lembretes:

Tenta!
Eu tentei!!!
Enfim, acertei!
Tenta!
Faze diferente!
A massa eu não mudarei.
O recheio do próximo será de
frango?
legumes?
carne moída?
linguiça?
ovelha?
porco?
...

Imagem:

Rocambole da Rainha de Sabá - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha de Matos


quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

2ª Ladainha - Cassiano Ricardo - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

2ª Ladainha

Por que o raciocínio,
os músculos, os ossos?
A automação, o ócio dourado.
O cérebro eletrônico, o músculo
mecânico
mais fáceis que um sorrido.

Por que o coração?
O de metal não tornará o homem
mais cordial,
dando-lhe um ritmo extra-
corporal?

Por que levantar o braço
para colher o fruto?
A máquina o fará por nós.
Por que labutar no campo, na cidade?
A máquina o fará por nós.
Por que pensar, imaginar?
A máquina o fará por nós.
Por que fazer um poema?
A máquina o fará por nós.
Por que subir a escada de Jacó?
A máquina o fará por nós.

Ó máquina, orai por nós.

Cassiano Ricardo

Fonte:

Seleta em Prosa e Verso - Cassiano Ricardo
Organização, estudo e notas: Professora Nelly Novaes Coelho

Imagem: Gurizinho a colher amoras - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Nota:

"Por que subir a escada de Jacó" simboliza a milenar preocupação do homem com o que transcende a vida terrena, sua agônica preocupação com a possível eternidade de seu espírito, sua ansiada preocupação com Deus.

Lembretes:

Ler o Livro! Ler as notas! Ofertar Livros!

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Poema Lunáutico - Cassiano Ricardo - Imagem - Canguçu - RS - Brasil

Poema Lunáutico

Lua,
cúmplice dos idílios
terrestres;
germinadora, agrária;
que a cidade grande
aboliu
com as suas
luas
enforcadas nos postes
da Light.

Lua,
das frautas na rua
antiga ou
do luar do sertão,
de Catulo, a mesmíssima
hoje,
Onde os cosmonautas
desceram Borboletas
num alvo
fruto.

Tocando, com pés de
terra,
o poético absoluto
de sua alvura.

Nunca tão belo o mundo
para se querer morrer,
tão sem razão para o suicídio nuclear, dentro
do espetáculo
perpendicular,
lunar.

Fabricam-se mais bombas
do que se criam
pombas
nos pombais.

Como amanhecer em meio
a isto tudo
senão pela crença de
que cada dia
é uma pequena
ressurreição,  até que
venha
a madrugada definitiva?

O nascimento do homem
novo
liberto do próprio homem
(sol saído de uma azul casca de ovo)

Manchar o rosto à Lua, o
seu pudor de flor com
pés
de terra,
sem conquistar o amor
que ela (de graça) nos ensina;

conquistar a Lua, redondo
pirilampo,
como se caça uma garça
no campo
sem conquistar o amor
que, por trás da vidraça,
ela nos ensina;
conquistar a Lua como
quem conquista, voadora,
uma mulher nua,
sem conquistar o amor
que ela nos ensina:
o mesmo
que conquistar uma clave
de fá
a uma fá/
lua.


Bem menos que possuí-la
em particular (tranquila)
sob a forma de luar
na rua.
Ou no Jardim Público
onde Pã possuiu Selene.

Ó Lua em quem
Aldrin,
Armstrong,
Collins
desceram
alados
modul'ados.

Mesmo que teu solo
seja áspero, desnudo,
vísceras
à mostra, como vemos
nas fantasmagóricas
fotos espaciais,
dá-nos agora
o amor
(universal) que nos
ensinas
com o teu "Mar da Serenidade"
e nos terás dado tudo.

Mesmo que sejas
luscotriste
(sem ouro
nem prata)
dá agora a tua

serenidade

aos homens sôfregos que
governam o mundo;
e nos terás dado
tudo.

Cassiano Ricardo

Fonte:

Seleta em Prosa e Verso - Cassiano Ricardo

Organização, estudo e notas da Professora Nelly Novaes Coelho

Imagem: Luar Canguçuense - Lua Cheia - Canguçu, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Lembretes:

  • Ler o Livro! 
  • Ofertar Livros! 
  • Ler Sempre!
Ver:

Forte Santa Tecla - O Uruguai a "Olho Nu" - Imagens - Bagé - RS - Brasil

Lua Cheia - Rainha Triunfal - Poesia - Loila Matos

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

O Analista de Bagé - Incontingência...? Meu Pelego! - Imagem - Bagé - RS - Brasil

Se abanque, no más - disse o analista de Bagé, indicando o divã.
- Eu, ahn, prefiro ficar de pé - disse o moço.
- Se abanque, índio velho, que tá incluído o preço.
- Não, obrigado...
- Deita aí! - disse o analista de Bagé, empurrando o paciente, que caiu de costas no pelego.
O analista de Bagé sentou na sua banqueta e começou a picar fumo para o palheiro. Como o moço não dissesse nada, falou:
- E então? Desembucha.
- É que eu tenho um probleminha...
- Probleminha só pode ser o moleque pequeno.
- "Moleque?"
- A peça. O trabuco. O Oduvaldo.
- Ah. Não, não é isso.
- Então o que é, tchê? Depressa que eu tô com a salinha cheia de louco.
- Bem, é que eu...
- O quê?
Eu desde pequeno tenho este problema de incontingência...
- Incontingência?
- Eu ainda faço xixi na cama...
Nisso o analista pulou e gritou:
- Meu pelego!
E levantou o divã por uma ponta, despejando o paciente no chão.

Luis Fernando Veríssimo

Fonte:

O Analista de Bagé - Luis Fernando Veríssimo

Imagem: 2016/novembro

O Analista de Bagé - Lindaura ( recepcionista) - Luis Fernando Veríssimo - Bagé, RS, Brasil

Foto: Loila Teresinha Cunha de Matos

Lembretes:

  • Ler o Livro!
  • Ofertar Livros!
  • Ler Sempre!

Ver:
  • O Ovo - Crônica - Luis Fernando Veríssimo
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/07/o-ovo.html

Benefícios do Ovo 
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/07/beneficios-do-ovo.html

sábado, 3 de dezembro de 2016

Goethe - Frases - Reflexões - Imagem - Bagé - RS - Brasil


Todos os dias deveríamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas.

Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma, todo o universo conspira a seu favor.

Vive quem ousadamente vive.

Nunca estamos mais longe de nossos sonhos do que quando imaginamos possuir o que desejamos.

Somos de tal modo limitados, que julgamos sempre ter razão.

Trate as pessoas como se elas fossem o que poderiam ser e você as ajudará a se tornarem aquilo que são capazes de ser.

Tudo quanto se destina a surtir efeito nos corações, do coração deve sair.

Goethe

FONTE:

FRASES E REFLEXÕES CAPAZES DE TRANSFORMAR SUA VIDA - WAGNER CHIODI

Imagem: Panorama Pampeano... Entardecer em Cores - Bagé, RS, Brasil - 2016/novembro

Foto: Josana

Lembretes:

Ler o Livro! Ofertar Livros! Ler Sempre!

Ver:

 Poesias - Loila Matos

Fortes Arrimos
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2016/08/fortes-arrimos-poesia-loila-matos.html

É Mister
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2009/03/e-mister.html

Desabrochar
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2011/09/desabrochar-poema.html

Pipa Encantada
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2013/11/pipa-encantada-poesia.html

A Rosa Sonha
http://cangucuemcoresii.blogspot.com.br/2011/12/rosa-sonha.html

Canguçu em Cores

Paracelsus - Goethe
 http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2012/08/paracelsus-goethe.html

Goethe e Newton
http://cangucuemcores.blogspot.com.br/2010/10/luz-e-cores.html

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Forte de Santa Tecla - O Uruguai a "Olho Nu" - Imagens - Bagé - RS - Brasil

Forte de Santa Tecla

Fundação - por volta de 1773

Fundador: Gal. D. Juan Jose Vertiz Salcedo - Vice-Rei de Buenos Aires.

Forma do Forte: Pentagonal


  • Ponto mais alto: Baluarte de San Agustín
Outros Pontos:
  • San Miguel
  • San Juan Batista
  • San Jorge,
  • San Francisco - a quinta ponta do pentágono, à beira da ribanceira.
Habitantes: índios Charruas e índios missioneiros

1801:

Domingos José Gonçalves, "Porta Estandarte", tomou novamente as terras bajeenses e o Forte de Santa para a Coroa Lusitana

2016: Revitalização do Forte Santa Tecla - Rainha da Fronteira - Bagé, RS, Brasil

Imagens: 2016/novembro

1ª  - Panorama Pampeano - Forte de Santa Tecla - O Uruguai a "Olho Nu" - Bagé, RS, Brasil
2ª - Painel - História - Forte Santa Tecla - Bagé, RS, Brasil

Fotos: Loila Teresinha Cunha de Matos

Ver:

Torres ao Sol Vespertino - Bagé - RS - Brasil -2016/novembro
Canguçu em Cores II - Belíssimas Imagens