segunda-feira, 8 de julho de 2013

Erva-Baleeira - Cordia verbenacea - Princípios Ativos - Uso Terapêutico - Utilização - Imagem - Torres - RS - Brasil

Nomes populares: 

  • erva-baleeira, 
  • salicilina, 
  • erva-preta, 
  • maria-milagrosa, 
  • catinga-de-barão...

Nomes Científicos:

  • Cordia verbenacea, 
  • Varronia curassavica ...

Parte usada: Folha

Origem: Brasil - cresce do Amazonas até o Rio Grande do Sul.

Princípios ativos:

  • óleo essencial; 
  • pigmentos flavonoides; 
  • alantoína; 
  • açúcares

Indicações:
  • reumatismo;
  • artrite reumatoide;
  • gota;
  • dores musculares e da coluna;
  • nevralgias;
  • prostatites;
  • contusões...

Utilização:

  • colocar numa xícara, 1 colher  (sopa) de folhas picadas, adicionar água fervente. Abafar por 10 minutos, coar e tomar. Dose 1 xícara 3 vezes ao dia. Colocar 3 colheres (sopa) de folhas picadas em 1 xícara (chá) de álcool comum. Deixar macerar por 5 dias, coar, aplicar nas partes afetadas com um chumaço de algodão, cobrir  com um pano. Repetir a cada 4 horas ou usar à noite.
  • Colocar 3 colheres (sopa)de folhas picadas em 1 xícara (chá) de álcool de cereais a 70 %,. Deixar em maceração por 7 dias, coar.Tomar 1 colher (sobremesa), diluída em água 3 vezes ao dia. 
  • Em uma panela com água em fervura, colocar uma peneira, de modo que a mesma não toque na água e sobre a peneira um pano, esparramar um punhado de folhas frescas picadas, abafar até que o vapor amornar o pano e as folhas. Aplicar o pano com as folhas nas partes doloridas, cobrir com outro pano e deixar agir durante toda noite.

Fonte: Plantas que Curam - Sylvio Panizza

Imagem: Erva-Baleeira - Cordia verbenacea - Torres, RS, Brasil

Foto: Jorge ou Josana

Lembretes:

É considerada como a que engraxa as dobradiças;
É um poderoso remédio e já era utilizado pelos índios do Brasil há séculos;
Para pele sensível - pingar gotas da tintura  em creme comum ou usar pomada.


Ver:

Canguçu em Cores II - Haikai


  • http://www.anvisa.gov.br/hotsite/farmacopeiabrasileira/conteudo/Formulario_de_Fitoterapicos_da_Farmacopeia_Brasileira.pdf
  • http://www.ufrgs.br/fitoecologia/florars/open_sp.php?img=3744
  • http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10724189


Conferir Imagem e saber mais em:

  • https://sites.google.com/site/biodiversidadecatarinense/plantae/magnoliophyta/boranginaceae/s-familia-sp-1

Nenhum comentário:

Postar um comentário