domingo, 24 de fevereiro de 2013

Sol e Terra - Loila Matos - Poesia

Quando surges...
E percebo tua energia
pressinto que desejas
meu âmago penetrar.
Sem resistir...
envolvo-me na tua magia
para a vida perpetuar.

Quando surges...
sabes que tudo em mim
é pura essência
que anseia por aflorar.

Quando surges...
processas a alquimia
que faz o cerne transmutar.

Loila Teresinha Cunha de Matos

Imagem: Sol Nascente - Canguçu, RS
Fotógrafa: Loila Matos

Ver:
http://cangucuemcoresii.blogspot.com.br/

2 comentários: