sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Natureza - Soneto - Sady Garibaldi -ZERO HORA - Imagens - Pelotas - RS - Brasil

Natureza


Porque te compreendo e te interpreto
Sondo-te, atento, tua voz escuto.
Interrogo o que tens de mais abjeto,
Encontro explicações no ser mais bruto.

Amar-te, eis afinal o meu tributo
- Fonte perene do vital afeto.
Assim serei o teu eterno fruto
Do teu feroz amor farto e repleto.

Sei que jamais sairei do teu sistema,
Terás sempre de mim a minha oblata:
- Refeito em luz na alma dos pirilampos,

ou pompeando talvez, na ponta extrema
das hastes, numa flor, ou (sorte grata!)
frutificando nestes verdes campos!

Fonte:

ZERO HORA, 5 fevereiro de 2016
Almanaque Gaúcho - Antônio Goulart

Imagens:

- Weigela florida (Bunge) A. DC., Colysphyrum floridum Bunge, Diervilla florida (Bunge) Siebold & amp;Zucc, Weigela pauciflora A. DC. -  Santuário de Guadalupe, Pelotas, RS, Brasil

Foto: Loila Matos

2ª - Aguapé em Flor e Borboleta - Pelotas, RS, Brasil

Foto: Leila Marina


Nenhum comentário:

Postar um comentário