quinta-feira, 20 de junho de 2013

Lenda da Menina Deusa - Mandioca - Imagem: Canguçu - RS - Brasil - Olimpíada - 2016

Mara, filha de cacique, contempla a Lua imaginando-se esposa e mãe. Sonha que um jovem de cabelos de ouro lhe jura amor. O sonho se repete, e se repete.
Certa manhã, em seu ventre algo se mexe.
Nasce bela menina toda branca, Mani. A tribo a adora como deusa vinda do céu. Um dia, acorda sem vontade de nada. Vem o luar. Mani, deitadinha no chão da oca, cerra os olhos, sorri e morre, sem doença alguma. A mãe a enterra ali mesmo e todo o dia chora sobre a cova. Com uns meses, algo brota. Mara escava e descobre raízes que, descascadas, revela-se brancas e perfumadas: a mandioca, oca de Mani.

Fonte: em se plantando, tudo dá 
Textos: Mylton Severiano e Katia Reinisch
Fotos do Livro: Iolanda Huzak

Imagem: Mandioca na Terra -  Manihot utilissima - Canguçu, RS, Brasil
Foto: Loila

Lembretes:
  • O primeiro a estudar a mandioca foi o austríaco Johann Baptist Emanuel Pohl. Veio ao Brasil em missão (1817-1822).
  • Ler o Livro!
  • Ofertar Livros!
  • Ler Sempre!


Ver:

Encontro com Fátima Bernardes - Farofa - Olimpíada - Curiosidade - 2016/agosto
https://globoplay.globo.com/v/5222167/

Programa Encontro com Fátima Bernardes - 19 de julho de 2016
Chef Teresa Carção - Diversidade do uso da Mandioca

Diferença entre as Mandiocas
Mandioca - Pão-dos-Pobres - Manihot utilissima - Belíssima Imagem - 2016/julho

Farofa Fantástica - Canguçu, RS, Brasil


Mandioca-Brava em Flor - Canguçu em Cores





Nenhum comentário:

Postar um comentário